Lado H da Coisa: Retrospectiva 2011

Quanto tempo, né galera? Mas voltei aqui pra fazer a minha última coluna de 2011, antes queria explicar o motivo da minha ausência, estudo 10 horas por dia e sem dúvidas isso acaba comigo, então por um tempinho deixei de lado meus trabalhos como entrevistador e colunista do Telecatch Brazil para me dedicar inteiramente ao meu futuro, mas quando essa maratona acabar retornarei e pretendo não sair mais.

Enfim, desculpas aceitas? Ótimo, vamos ao que interessa.

O ano de 2011 foi um ano de glória, e muitas vitórias no cenário da LLN. Vimos a BWF chegando bem perto do auge que todos esperamos, e vimos outras empresas como a FILL e muitas outras crescerem bastante.

Mas e o resto? O que fizeram? Eu realmente não queria que esse texto fosse mais uma critica para as tantas outras empresas nacionais, mas parece que elas não aprendem! Não vou falar o que poderiam melhorar, pois já disse, repeti muitas vezes e não vi nenhum efeito sobre isso. Vou falar apenas do que aconteceu, vamos por equipes, uma retrospectiva rápida:

BWF

Bob Junior desde o momento em que assumiu a BWF fez a mesma renascer a um nível espetacular e de uma extrema rapidez, e em 2011 não foi diferente, participou do Anime Friends, Virada Cultural, QST?, Cante se Puder e o mais recente, Ressacada Friends. Ta bom ou quer mais? Esse sem dúvidas foi o melhor ano da BWF, e sem dúvidas não vamos parar por ai, pois Bob aposta nessa nova era de lutadores que estão por vir, mas sem deixar o lado “old” de ser. Mas claro, teve seus momentos de dificuldade no ano e uma delas, que mais me marcou, que me entristeceu e tirou um pouco do brilho de quem vê foi o falecimento do  Pirata Alma Negra, sem dúvidas um dos nomes mais lembrados no ano que está se acabando, uma nova estrela que estava pronta para explodir se apagou rapidamente e com certeza vai fazer muita falta! Eu poderia ficar horas falando sobre o que foi bom esse ano, mas o que vocês querem é coisa ruim né? Infelizmente não consigo ver nada até o momento.

FILL

Uma equipe do Rio de Janeiro que está numa crescente realmente impressionante, com uma leva de lutadores de dar inveja a qualquer equipe, e mostrando que querem ser vistos e querem mostrar que a Luta Livre Nacional está crescendo muito. Infelizmente não muito conhecidos pela mídia nacional, mas com lutadores que abrilhantam cada show, tal como, Loki e ED Rocha.  Tytan, que por motivos pessoais, precisou deixar a equipe, mas agora com a direção de pessoas que querem levar a FILL à um patamar jamais visto na equipe.

Astros do Ringue

Acho que essa equipe vai ser a mais difícil de comentar, pois como todos devemos lembrar, rolaram muitas coisas que realmente me fizeram crer que vai ser um pouco difícil ela crescer tão rapidamente, não que ela não possa, mas não acredito nesse crescimento. Vamos começar falando sobre a direção, Mandrak e Mario Boy não conseguiram levantar a empresa do jeito que esperavam. Logo em seguida, com a mudança de direção para Chino Rapper, Mário Boy e Ramon Messi, não mudou muito o quadro, talvez por que muitas promessas infelizmente não foram cumpridas, uma delas é de lutadores mexicanos, um titulo internacional, que o próprio Chino GARANTIU que teríamos em 2011, e com certeza essa era a chave do crescimento que a empresa esperava esse ano, mas para complicar ainda mais sua situação no cenário nacional, foi questionado por outra equipe o uso imagens de direito privado da empresa. E em seguida, Mandrak, por motivos também pessoais saiu da equipe. Mas esse ano não foi de todo ruim para o ADR, conseguiram um programa semanal em uma TV Regional e alguns lutadores se destacaram dentro da empresa como o próprio Chino, Rony Murano e muitos outros que fizeram parte da equipe do Astros do Ringue em 2011. Realmente não foi um dos melhores momentos vividos pela empresa, mas espero que isso mude e acabe com a minha idéia negativa sobre a empresa.

Gigantes do Ringue

Essa equipe encabeçada pelo nosso grande amigo Michel Serdan (Sim, fui irônico) tem uma política que por muitos é considerada ridícula de não precisar que a empresa seja comentada, noticiada, por isso não tenho muito que falar dela, mas o que mais me chamou a atenção foi o surgimento (para a mídia) de um lutador chamado Kadu Mortaia, na minha humilde opinião salvou, mesmo que por um tempo, o GDR de uma ridicularização por ser um circo de horrores, lutas sem qualquer sentido e lutadores pouco preparados, mas com muita habilidade e vontade de lutar, mas não é ai que vão conseguir, infelizmente. Se eu começar a falar sobre o que o GDR prometeu e não cumpriu vamos ficar aqui por várias horas, mas também teve momentos bons, conseguiu que seu programa fosse para uma TV Regional também. Realmente o GDR foi a empresa que mais me decepcionou em 2011, espero que mude, assim como falei ali em cima sobre o ADR, por favor, tirem essa idéia negativa sobre a empresa, façam pelos fãs que estão esperando um show digno de Luta Livre.

ABRALULI

E para fechar essa retrospectiva vamos falar sobre a ABRALULI, que tem como diretor, ele Trovão, vem fazendo um belo trabalho em 2011, com lutadores como Cléia “A Malvada” e Vaneska Carmona mostraram que a divisão feminina no Brasil não morreu, mas também contamos com Vagner “The Flash” e tantos outros fazendo com que a empresa cresça mais e mais daqui pra frente. Não acompanho muito a ABRALULI, mas tenho certeza de que poderá ser uma forte potencia no cenário nacional daqui uns anos. Um membro que se destacou em 2011 foi Toko “O Infernal”, só que devido a alguns problemas deixou a equipe ingressando na BWF. A promessa de um centro de treinamento continua no papel.

Então é isso turma, acabou mais um Lado H da Coisa, espero que tenham gostado, espero que não fiquem nervosos por ter dito a verdade sobre o que realmente aconteceu com as equipes nesse ano (ao menos o que chegou ao meu conhecimento), sei que existem algumas aí que mereciam estar aqui, mas hoje quis dar destaque nas coisas boas e nas coisas que não foram tão boas assim.

Queria desejar-lhes um Feliz Natal e um próspero Ano Novo, eu vou ficando por aqui.

Abraços

 

6 Respostas para Lado H da Coisa: Retrospectiva 2011

  1. HUGO

    ÓTIMO ANO 2012 A VC E FAMILIA…

    REALMENTE VC NÃO ACOMPANHA A ABRALULI…. O PIRATA “EM MEMORIA” SAIO DA ABRALULI, COMO TAMBÉM O ANJO LOIRO… ESTREIOU EM VINHEDOS…. FIZEMOS 02 FILMES EM 2011, MAIS TV SESC “ESPECIAL… PROGRAMAS DE TV… ETC…. FOMOS A EQUIPE QUE MAIS REALIZOU EVENTO FORA DO ESTADO DE SÃO PAULO… FOMOS A PRIMEIRA EQUIPE A ESTAR NO CONTINENTE AFRICANO EM 2001… QUANDO FOI FORMADA A ABRALULI…. A LLB ESTAVA COMPLETAMENTE FORA DA MÍDIA (PERGUNE AO BOB JR) ELE SABE DISTO….. MAS TUDO BEM….. VAMOS EM 2012 ESCLARECER VARIOS PONTOS AO PESSOAL QUE ESTÃO CHEGANDO….. ESTE ANO A ABRALULI SEGUIRA SEUS PROJETOS COM EVENTOS… NÃO MAIS SÓ SHOW E SIM COM PARCERIAS, INCLUSIVE COM OUTRAS EQUIPES….. A FILL INFELISMENTE NÃO TEM ESTRUTURA… O ESCORPIÃO COMO FOI BATIZADO NA LLB, COMEÇOU E TREINOU NA ABRALULI, TAMBÉM PARA CONHECIMENTO…. É A ABRALULI LANÇA OS LUTADORES E ELES CORREM ATRÁZ…..

    ABÇ A TODOS…
    TROVÃO/ABRALULI

    • FILL – RJ

      ESTAMOS PENSANDO E ANALIZANDO EM INVERTIR NO RJ E ELA ESTARA NO PROJETO… ESCORPIÃO, BOM MENINO… A BRALULI TEM LUTADOR NO RIO DE JANEIRO E DEVEMOS AMPLIAR ESTE TRABALHO… A FILL JA FOI CONFIDADA PARA PARTICIPAR E PARTICIPOU NO RIO COM A ABRALULI… FOI ÓTIMA A APRESENTAÇÃO DELES…

      TROVÃO/ABRALULI

    • Hugo disse:

      Sobre estar no continente Africano em 2001…Eu realmente não sabia disso, e essa foi uma retrospectiva de 2011, mas não vamos entrar nesses detalhes.
      E realmente não consegui acompanhar a ABRALULI como acompanhei algumas equipes citadas no texto esse ano, me desculpe por não ter comentado que fizeram mais shows fora do estado de SP, vocês estão fazendo um belíssimo trabalho e como eu disse, logo serão uma forte potencia no cenário nacional. Tudo que eu escrevi foi o que chegou ao meu conhecimento.

      • Oi pessoal, eu até tenho algumas fotos da ABRALULI na África, quem me passou foi o Giancarlo há um bom tempo atrás, se alguém quiser eu posso até passar.

        Valeu pela coluna Hugo!

        • Cigano Stiner disse:

          Amigo Reginatto

          Com certeza deve ter gente interessada em ver este material comentado, mas acho interessante vc guardar pra quando vc fizer uma entrevista com o Trovão, em sua coluna no PLL, e então todos poderam ver e dar sua opinião.certo?
          Grande abraço e fique com Deus

  2. Cigano Stiner disse:

    Amigo Hugo
    Mais uma vez, isto já esta ficando uma rotina :-), por mais este texto muito bem feito, tanto que nem vou fazer meu texto da retrospectiva, pois vc disse quase tudo o que eu diria.
    Hugo, realmente o amigo Trovão tem razão a unica coisa que faltou ,ou deixou de ser colocada,em seu texto foi a participação efetiva ,em prol da LLN , da Abraluli neste ano que esta terminando e realmente não foi culpa sua, pois vc falou sobre o que viu e realmente o que se viu foi pouco, mas o noticiado foi bastante, mesmo assim vc não deixou de dar os méritos aos trabalhos da Abraluli, parabéns.
    No mais eu concordo plenamente com vc em seu texto e com o Trovão em seus argumentos, pois a Abraluli, junto com o GDR, foi uma das empresas que mais vez pela LLN durante anos e que continua fazendo, mas é que seu trabalho, muitas vezes, é confundido com o trabalho dos Abutres, mas isto é um conjunto de coisas entre Abraluli, Trupe do Trovão e os Abutres, nunca é apenas uma participação dos Abutres, pois a Trupe esta sempre junto e consequentemente,e possivelmente, a organização é parte da Abraluli, não é possivel separar estas paixões do amigo Trovão, seu coração é mesmo divido,por igual, com estas 3 partes que caminham juntas e em pról da LLN.
    Tenho certeza, absoluta, que esta parceria vai continuar, por muitos anos, fazendo seu trabalho em favor da LLN e que os planos do amigo Trovão vão ser ampliados com a junção de outras equipes em seu projeto, coisa que só trará benificios a nossa LLN.
    Fiquem com Deus

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.