‘Éramos artistas do ringue’, afirma Cigano Stiner sobre ex-lutadores

Série ‘Mestres do Ringue’ aborda história da luta livre no Brasil

Renato Nascimento, Índio Kindar e Cigano Stiner em reencontro na estreia de Mestres do Ringue (Foto: Divulgação/RBS TV)Renato Nascimento, Índio Kindar e Cigano Stiner em reencontro na estreia de Mestres do Ringue (Foto: Divulgação/RBS TV)

Aqueles que viveram nos ringues nos anos de 1970 relembram com saudades a época. A luta livre era um espetáculo para divertir o público, que escolhia sua preferência entre o vilão e o mocinho. A temática está presente “Mestres do Ringue”, série de Curtas Gaúchos que está no ar na RBS TV.

– Sempre me considerei um artista do ringue, nunca um lutador. É a maior diferença entre o MMA e o telecatch (veiculado na televisão), que misturava o lado artístico com artes marciais – comenta Cigano Stiner, um dos principais personagens da memória da luta livre no país.

Neste sábado (23), você vai conferir o episódio “De Volta à Estrada”, que traz depoimentos e conta como as lutas perderam a força na televisão, ganhando as ruas pelo Brasil. Os lutadores se organizaram em grupos, e, através de circos e caravanas, viajaram para divulgar seu trabalho.

Passados mais de 40 anos da “época de ouro” do telecatch, Cigano Stiner reflete que esse tipo de luta ainda está presente na sociedade, mesmo com a chegada do MMA.

-O público jovem sempre vai se espelhar e lembrar dessa luta. Tenho inúmeros contatos nas redes sociais que me dizem seus avós e seus pais viam, e aí procuram entender como era.

Além do divertido personagem feito por Stiner, veja depoimentos de Cláudio Brito, e dos lutadores Zíngaro, Scaramouche, Jeca Tatu Cardoso, Atlas, Tony Lima, Garoto de Prata, Homem Montanha, Bob. Jr. e Michel Serdan. Não perca!

“Mestres do Ringue” vai ao ar neste sábado (23), às 12h30, na RBS TV.

Siga o twitter @curtasgauchos e curta a página facebook.com/curtasgauchosrbstv

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.